Se há modalidade que rendeu títulos e prestígio ao Atlético, essa modalidade foi o Basquetebol. Durante muitos anos no nosso pavilhão “tombaram” as mais variadas equipas. O expoente máximo foi, sem dúvidas, a conquista da Taça de Portugal em 1954, mas não foi o único momento alto da modalidade no clube. 1 Taça de Honra e 2 Campeonatos da 2ª Divisão, a que se junta o recente Campeonato Nacional da 1ª Divisão conquistado o ano passado.

Parte importante na modalidade, e no clube, foi sempre a formação. Que, recordamos, chegou a ser de excelência. Prova disso são os 2 Campeonatos nacionais de Juniores e 3 Campeonatos Nacionais de Juvenis, além de uma Taça Nacional de Sub-20. Infelizmente, fruto das vicissitudes, o Atlético foi deixando de ter, a pouco e pouco equipas de formação.

Actualmente desenvolvem-se esforços para dotar o clube de escalões de formação. Tal como nos explica o professor Mário Correia, que orienta o projecto a partir da Escola Fonseca Benevides (antigo Liceu D. João de Castro).

«O Atlético, que é um clube com tradição na modalidade, não tem formação há algum tempo. Mesmo em anos anteriores, as equipas de formação foram pontuais. A ideia neste momento, que acontece através de uma proposta do Pedro Vidal, é começar de raiz, com equipas de mini-basket, para que o Atlético volte a poder alimentar, a médio prazo, a sua equipa principal.»

O título conquistado na temporada passada é motivo de orgulho, mas o Atlético não pode parar por aqui. «Os atletas não são eternos, por isso é fundamental apostar na formação» sintetiza Mário Correia.

Com um pavilhão fantástico para a prática da modalidade, pode causar estranheza o facto do Atlético ter deslocado os treinos do mini-basket para uma escola. Mas tal tem um motivo. «Neste momento faz mais sentido treinar na escola do que no Pavilhão Engº Santos e Castro (Tapadinha), devido às dificuldades que os miúdos têm para se deslocar. Estando na escola fica mais fácil para os miúdos virem aos treinos. O espaço é bom, onde podemos desenvolver um trabalho de qualidade» explicou Mário Correia.

O projecto tem asagulhas viradas para o futuro e para o desenvolvimento de equipas de formação, apesar de «estarmos ainda numa fase muito inicial, e contamos com apenas nove atletas», o Atlético tem bem presente a necessidade de ter uma formação estruturada. «O objectivo é crescer, para, no futuro, termos equipas de formação a competir nas diversas competições nacionais e distritais. Neste momento, e com estas idades, a competição passa por Torneios de convívio.»

O Basquetebol de formação está de volta ao Atlético!

Escola Secundária de Fonseca Benevides
3ª e 5ª das 18:00 às 19:00

Pavilhão Engº Santos e Castro (Tapadinha)
Sábado das 10:00 às 11:00

Para rapazes e raparigas dos 5 aos 12 anos

Inscrições e informações
Secretaria das Piscinas do Atlético
210 938 102 | 916 524 814