Vitória da serenidade.
Dois jogos, duas vitórias. É este o saldo do Atlético na presente edição da Segunda Liga.

Numa partida que fica marcada pela expulsão precoce de Bruno Varela, guarda-redes do Benfica “B”, o Atlético soube gerir o jogo como lhe convinha e saiu do Seixal com três pontos.

Aos 12 minutos, e com o jogo empatado a zero, o Benfica vê o seu guardião ser expulso, após falta na grande área sobre Pedro Moreira. O juiz da partida, Vasco Santos, não teve dúvidas e na conversão da grande penalidade, Rui Varela, colocou o Atlético na frente do marcador.

A vencer, e com mais uma unidade em campo, o Atlético soube gerir a posse de bola e manteve os jovens encarnados longe da sua baliza. Excepção feita a um remate de Harramiz, já perto do intervalo, que obrigou Filipe Leão a aplicar-se.

A segunda parte começa com o Benfica a tentar pressionar o seu adversário, mas foi o Atlético a marcar novamente, aos 72 minutos, e após erro de Miguel Santos, Pedro Moreira fez o segundo golo da tarde.

Aos 81′ o Benfica reduz, por Lindelof, após livre de João Cancelo, mas, quatro minutos depois, Mauro Antunes faz o terceiro golo do Atlético. Já perto do fim, Ivan Cavaleiro reduz, mas a experiência alcantarense não permite mais reacção ao Benfica e o Atlético sai do Seixal com três pontos na bagagem.


Segunda Liga 2013/14, 2ª jornada.
Jogo no Caixa Futebol Campus, no Seixal.
BENFICA “B” 2-3 ATLÉTICO
Ao intervalo: 0-1
Marcadores: Lindelof (81′) e Ivan Cavaleiro (88′); Rui Varela (15′ gp), Pedro Moreira (72′) e Mauro Antunes (86′).

Benfica “B”: Bruno Varela; João Cancelo, Fábio Cardoso, Wei Huang (Miguel Santos, 14′) e Bruno Gaspar (Hélder Costa, 70′); Lindelof, Uros Matic e Ruben Pinto; Sancidino Silva (Bernardo Silva, 45′), Harramiz e Ivan Cavaleiro.
Suplentes: Miguel Santos, Helder Costa, Nélson Semedo, João Teixeira, Bernardo Silva, Jorge Rojas e Raphael Guzzo.
Treinador: Hélder Cristóvão

Atlético: Filipe Leão; Pedro Caipiro, Fábio Marinheiro, Hugo Carreira e Luís Dias (Rui Cardoso, 48′); Vasco Varão (Afonso Taira, 62′), Hugo Pina e Marco Bicho; Mauro Antunes, Pedro Moreira (João Mário, 75′) e Rui Varela.
Suplentes: Jonas, Bernardo, Rui Cardoso, Silva, Fábio Oliveira, João Mário e Afonso Taira.
Treinador: Carlos Pereira.

Árbitro: Vasco Santos (Porto)
Acção disciplinar: Cartão amarelo para Pedro Caipiro (17′), Vasco Varão (52′), Fábio Cardoso (85′) e João Cancelo (90′). Cartão vermelho directo para Bruno Varela (12′).