A Direcção do Atlético Clube de Portugal vem informar todos os associados, adeptos e utentes que a partir do dia 01/09/2016 a gestão das piscinas Municipais do Alvito passará a ser da responsabilidade da Junta de Freguesia de Alcântara.

Como já foi tornado público na Conferência de Imprensa do passado dia 17 de Agosto, a existência de uma dívida da SAD à Segurança Social inviabilizou a obtenção por parte do clube de uma certidão indispensável à celebração do Contrato Programa de Gestão da Piscina entre o Atlético Clube de Portugal e a Junta de Freguesia de Alcântara.

Apesar de todos os esforços e das demarches levadas a cabo pela Direcção do clube junto da SAD para que procedesse à regularização da dívida perante a Segurança Social, de forma a que os interesses do clube não fossem postos em causa com esse incumprimento, o que é facto é que a administração da SAD nada fez.

No decurso da semana passada, a Direcção do Atlético Clube de Portugal chegou mesmo a ponderar chegar a acordo com a Segurança Social para o pagamento da dívida da SAD como forma de ultrapassar a situação e poder ter a certidão indispensável à celebração do Contrato-Programa para Gestão da Piscina. Tal solução não foi adoptada atendendo aos riscos da criação de  novas dívidas por parte da SAD e também face à extensão do prazo de pagamento pelo período de 12 anos e meio.

Para além  desse constrangimento de natureza legal, foi ainda o Atlético Clube de Portugal confrontado com diversas situações irregulares de gestão das piscinas ao longo do último mandato da Direcção que cessou funções a 3 de Junho de 2016, nomeadamente dívidas acumuladas a fornecedores no valor de 40.000 euros e a necessidade de realização de obras urgentes de manutenção que orçam em cerca de 30.000 euros.

Tudo isto inviabilizou os esforços levados a cabo pela actual Direcção do clube que tudo fez e tudo tentou junto das diversas entidades envolvidas no processo – Junta de Freguesia, Câmara Municipal de Lisboa, Segurança Social e SAD – para resolver a situação e manter a gestão das piscinas Municipais do Alvito.

A Direcção do Atlético Clube de Portugal tudo fará para recuperar a gestão das piscinas no mais breve espaço de tempo, estando certa que tanto a Junta de Freguesia de Alcântara como a Câmara Municipal de Lisboa estão cientes da singular importância que estas têm para o desenvolvimento do clube. Paralelamente a direcção tomará as medidas que considere adequadas a ser ressarcida pelos prejuízos causados por esta perda (através de uma possível acção judicial contra a SAD).

A Direcção do Atlético Clube de Portugal deseja os maiores êxitos à Junta de Freguesia de Alcântara na gestão das piscinas Municipais do Alvito.