COMUNICADO – ESTADO DE EMERGÊNCIA – COVID 19

Estimados Consócios,

Em virtude da pandemia com origem no vírus SARS-Cov 2., o País esteve sob o Estado de Emergência, decretado por S. Exa. o Senhor Presidente da República, em Março e já prorrogado por dois períodos sucessivos de 15 dias, encontrando-se agora em período de desconfinamento sob o Estado de Calamidade.

Embora estejamos em período de desconfinamento, essa medida não reflectirá o regresso à normalidade das nossas vidas, se entendermos como normalidade o estilo de vida que levávamos antes da pandemia. Com efeito, nos próximos meses manter-se-ão em vigor regras de convivência social muito restritas e restritivas que impedirão a aglomeração de pessoas, não permitindo a realização de eventos que requeiram a participação dos cidadãos, como sejam eventos desportivos e outros espectáculos ou, até, a convocação de reuniões das assembleias gerais de clubes.

O confinamento a que estamos sujeitos desde Março obstou a que a Assembleia Geral do nosso Atlético fosse convocada dentro do período estatutariamente consagrado com o objectivo de serem submetidos à aprovação dos associados os Relatórios de Gestão dos anos anteriores.

Por outro lado, o actual mandato dos Órgãos Sociais está a chegar ao fim e as eleições para o próximo triénio deveriam realizar-se no próximo mês de Maio.

Ora, considerando que não existem condições para a realização da Assembleia Geral eleitoral e, antes disso, da Assembleia Geral visando a aprovação do Relatório e Contas, sem que tal coloque em risco a saúde dos associados constituindo, também, uma desobediência ao regulado pelo diploma que rege o Estado de Emergência, é entendimento da Mesa da Assembleia Geral que não estão reunidas as condições sanitárias que permitam a realização de tais eventos.

Para situações excepcionais importa encontrar soluções de excepção. Nesta circunstância, ouvidos os Órgãos Sociais do Atlético Clube de Portugal, atentos os altos interesses do Clube, a Mesa da Assembleia Geral deliberou prorrogar o mandato dos actuais Órgãos Sociais até ao dia 31 de Outubro de 2020, comprometendo-se até essa data,  a reavaliar a situação sanitária do País, em função dos dados disponibilizados pela Autoridade de Saúde e as orientações do Governo da República nesse âmbito, de forma a aquilatar da existência de condições para a realização de eleições para o novo mandato.

Estamos certos que esta é a melhor solução para a actual situação e devemos congratular-nos pela disponibilidade manifestada quer pela Direcção, quer pelo Conselho Fiscal em assegurarem a normalidade da gestão do Atlético Clube de Portugal.

Até lá, resguardem-se e cumpram as orientações das Autoridades!

Viva o Atlético!

Estádio da Tapadinha em Lisboa, em 2020/05/12

Pela Mesa da Assembleia Geral,

O Presidente,

Ângelo Mesquita

O Vice-presidente,

Vasco de Almeida Antunes